todo1.jpgInforme-se. Leia tudo o que puder sobre os tipos de dieta low carb, principalmente Atkins e Paleo. Escolha a que mais fizer sentido para você. Se souber ler em inglês é ótimo, o melhor conteúdo sobre low carb ainda está em sites internacionais.

Pese-se. Encare a realidade e meça seu ponto de partida. Pode ser que você esteja em busca apenas de mais saúde e não tenha peso para perder, mas a maioria das pessoas inicia na alimentação low carb com objetivo de perder peso. Veja qual frequência de pesagem é melhor para você, eu costumo me pesar a cada 2 ou 3 dias. Registre os resultados em uma planilha, ou ainda melhor, abra uma conta no FatSecret (ou algum outro parecido) e mantenha seu histórico de peso salvo na nuvem. Se não tiver uma balança, é um excelente investimento a ser feito, por menos de R$ 100 você encontra boa uma balança digital na internet.

Tire medidas. Eu não fiz isso antes de começar e me arrependo. Comecei uns 4 meses depois, e mesmo assim é compensador ver a evolução do meu esforço. É mais um número para você acompanhar e que vai te encher de orgulho do bom trabalho. E outra coisa é que eventualmente você pode perder pouco peso mas perder mais nas medidas.

Trace suas metas. Tenha em mente o número que vai perseguir como objetivo. Caso tenha muito peso para perder, você pode fazer metas intermediárias, mas tenha sempre uma meta final. Quando comecei tinha como objetivo chegar aos 65 quilos porque achava que era o que eu dava conta, mas com o passar do tempo descobri que fazer low carb não é uma dieta para fazer por um tempo e sim um estilo de vida, e chegar aos 56 quilos foi uma coisa bem fácil.

Livre-se de todos os alimentos proibidos. Faça uma limpa nos armários e na geladeira, livre-se de pães, chocolates, bolachas, iogurtes adocicados e refrigerantes. Vá ao mercado com uma listinha previamente planejada de coisas saudáveis para comer e monte um estoque de opções para não passar fome.

Pesquise receitas. Pode ser que você esteja habituado a cozinhar sempre com algum carboidrato (arroz, batata ou macarrão) então vai ser importante que você pesquise antes algumas receitinhas que gostaria de testar. Percebo que muitas pessoas que estão começando uma redução de carboidratos buscam receitas que imitem alimentos tipicamente cheios de carboidratos, como pizza, macarrão e pão. Eu escolhi nunca ir por essa linha, até para me desamarrar mentalmente desses padrões, descobrir coisas novas.

Faça exames. Peça para um médico uma requisição para uma análise de sangue completa, para você saber como estão os resultados antes de começar, e repita os exames uns 4 ou meses depois de estar firme na dieta. Não é mandatório, nada vai mudar se você não fizer os exames. Mas assim como não tirei medidas eu também demorei uns 4 meses para fazer os exames. Descobri que estava tudo super fantástico, mas gostaria de ter visto os números antes de começar.

Fez todos os passos? Está preparado e animado? Então comece já na próxima refeição, não espere chegar segunda-feira, tire a bunda da cadeira agora mesmo. Boa sorte, confie em você!

Tweet about this on TwitterShare on FacebookEmail this to someoneCompartilhe!
E-book Dieta Low Carb Sem Mistérios - Vida Low Carb - Mariana Montezzana

SEU EBOOK DE RECEITAS GRÁTIS!

 
Cadastre-se GRÁTIS para receber por email um minicurso sobre Low Carb 
e também um ebook de receitas para emagrecer!

Obrigada por se cadastrar!