Quando eu era adolescente íamos muito a Garopaba, em Santa Catarina, passar uns dias de férias. Lá tinha esse restaurante, onde comíamos todos os anos o nosso tradicional camarão na moranga. Era um dos nossos rituais familiares.

Depois de uns anos sem ir pra lá, voltamos a Garopaba e fomos na maior animação procurar o tal restaurante que servia o nosso amado camarão. Chegando lá, procuramos e procuramos, rodamos a quadra achando que tínhamos errado a rua. Mas não. O restaurante estava fechado. Pra sempre.

camarao-na-moranga-low-carb-1

Nesse mesmo dia acabamos indo parar em um outro restaurante onde a comida era só razoável e não chegava nem aos pés do nosso emblemático camarão na moranga. Grande trauma gastronômico do passado.

Aproveitando o final da época das morangas baratíssimas no mercado, resolvi reproduzir do meu jeito um camarão na moranga low carb, parecido com o do restaurante em Garopaba.

Ficou lindo e delicioso, e sem dúvida é uma bela opção para servir para convidados em casa sem precisar furar a dieta.

Camarão na moranga low carb | Ingredientes

1 abóbora moranga grande – a mesma usada nos enfeites de halloween

1 Kg de camarão médio descascado

1 bisnaga de catupiry

3 colheres de sopa de nata

3 colheres de sopa de molho de tomate

100 gramas queijo mussarela ralado

2 dentes de alho

2 colheres de sopa de cebola picada

Cheiro verde a gosto

Sal e pimenta do reino

Azeite de oliva

Manteiga para fritar

Camarão na moranga | Passo a passo

1. Corte uma tampa na parte de cima da abóbora, para fazer tipo uma panelinha.

camarao-na-moranga-low-carb-2

2. Com a ajuda de uma colher e um pouco de paciência, desconecte a tampa do resto da abóbora e retire as sementes.

3. Tempere a abóbora por dentro com azeite, sal e pimenta do reino. Lambusei com um pouco de azeite por fora também.

4. Cubra com papel alumínio e asse no forno a 200 graus, por 1 hora.

Nota: eu assei a abóbora com o buraco para cima, mas depois conversando com minha cunhada ela disse que é melhor assar com o buraco para baixo. Deve ser melhor mesmo, já que a minha acabou gerando uma água no fundo que depois eu dispensei com um pouco de trabalho. Acabou ficando meio cozida demais embaixo por causa da água, poderia ter furado mas deu certo.

5. Retire a abóbora do forno e retire o alumínio. Com uma colher retire 3 colheres de sopa de abóbora e faça um purê com a ajuda de um mixer ou processador.

6. Tempere o camarão com pimenta preta moída na hora e sal.

7. Em uma panela grande, frite os camarões. Divida os camarões em duas ou três “viagens” para não deixar soltar muita água. Reserve.

8. Na mesma panela em que fritou os camarões, frite o alho e a cebola com 1 colher de sopa de manteiga.

9. Adicione 3 colheres de sopa de molho de tomate (usei o da Hemmer, que embora não tenha açúcar na composição, infelizmente tem óleo vegetal). Se preferir use tomates de verdade e deixe reduzir bem.

10. Acrescente quase todo o catupiry (reserve umas duas colheres de sopa para depois), a nata, a mussarela ralada e o purê de abóbora.

11. Quando o molho tiver engrossado, volte os camarões para a panela e tempere com cheiro verde a vontade.

12. Coloque metade do molho e acrescente “bolotas” com o catupiry que sobrou. Coloque o resto do molho e sirva com salada verde.

Na foto eu usei um maçarico culinário para fazer um gratinadinho, mas se você não fizer isso o gosto será o mesmo.

Essa receita é tão gostosa que fica difícil evitar uma sensação de culpa depois de comer. Uma beleza poder comer uma super refeição dessa e ainda emagrecer!

Tweet about this on TwitterShare on FacebookEmail this to someoneCompartilhe!

CAFÉ DA MANHÃ: Receba GRÁTIS um ebook com opções Low Carb que emagrecem!

Você também vai receber dicas e novidades sobre o estilo de Vida Low Carb

Verifique o seu email!

Pin It on Pinterest

Share This